Prevalência do risco de quedas em idosos de uma instituição de longa permanência de Santa Maria (RS)

Camila de Souza Teixeira, Franciele Comassetto Schmidt, Monica de Fátima Rossatto Muraro, Estele Caroline Welter Meereis, Marisa Pereira Gonçalves

Resumo


O objetivo deste estudo foi identificar a prevalência do risco de quedas, bem como avaliar a capacidade funcional de idosos institucionalizados, identificando a existência de diferenças relacionadas ao sexo. Foram avaliados 14 idosos com média de 78,71 ± 9,18 anos. A partir das avaliações, identificou-se déficit de equilíbrio, principalmente nas idosas do sexo feminino. Dessa forma, foi demonstrada a importância de intervenções fisioterapêuticas que priorizem o estímulo à autonomia dessa população.

 


Palavras-chave


Instituição de Longa Permanência para Idosos; Equilíbrio postural; Acidentes por quedas; Fisioterapia.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.23925/2176-901X.2014v17i1p45-56

Kairós está indexada em:

Bases de dados e Repositórios de periódicos com texto completo:


Catálogo de Bibliotecas:

Bibliotecas:

Diretório de Políticas Editoriais:

Associada:

ISSN 2176-901X

A Revista Kairós e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em http://revistas.pucsp.br/kairos. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em http://revistas.pucsp.br/kairos.