Submissões

Submissões Online

Já possui um login/senha de acesso à revista PARALAXE?
Acesso

Não tem login/senha?
Acesse a página de cadastro

O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso.

 

Diretrizes para Autores

1. A Comissão Editorial da revista Paralaxe aceita trabalhos originais e inéditos (de autoria individual ou coletiva) de pesquisadores em nível de graduação e pós-graduaçã sob a forma de artigos científicos efetivamente ligados a pesquisas e resenhas nas áreas de Estética e Filosofia da arte. Trabalhos não inéditos (vale dizer, já publicados) só serão aceitos em caso [a] de edição esgotada ou de difícil acesso a pesquisadores brasileiros; [b] de tradução para língua diversa da do original; e/ou [c] de outra circunstância ou motivo relevante e justificado, a critério da Comissão Editorial, tendo em vista o fomento do debate científico no país.

 

2. As colaborações podem ser enviadas em quatro línguas: português, espanhol, francês, e inglês.

 

3. Ao inscrever seu texto, o autor deve retirar seu nome e possíveis menções a si nas referências bibliográficas. O nome e o minicurriculum, com titulação explícita, bem como filiação institucional, cidade e estado, devem ser colocados quando do preenchimento no sistema SEER. O autor cede os direitos autorais desse texto à revista Paralaxe.

4. Todos os artigos científicos serão submetidos a dois pareceristas indicados pela Comissão Editorial. Em caso de uma aprovação e uma não recomendação, o texto poderá ser revisado pelo autor. O texto será então submetido a um terceiro parecerista. Consultar o tópico peer review para mais informações.

 

5. Os autores são responsáveis pelo conteúdo dos artigos, inclusive do ponto de vista ético.

 

6. Os trabalhos devem estar normalizados de acordo com as NBRs 6023 (referenciação bibliográfica) e 10520 (citação no corpo do texto) - de 2002 - da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). Textos formatados fora dessas normas não serão aceitos pela Comissão Editorial.

Normas para publicação:

7. Os trabalhos devem ser:

 

Configurações gerais:


- Formato de artigo

Os artigos devem ter a extensão mínima de 10 e máxima de 18 páginas, com a possibilidade de mais 3 páginas de anexo (aproximadamente 45 mil caracteres com espaço).

1. Configurar a página: tamanho do papel: A4 (21,0x 29,7 cm); margens superior e inferior: 3 cm; direita e esquerda : 3 cm.

2. Tipo de letra: Arial, corpo 12.

3. Espaçamentos: 1,5 entre linhas e parágrafos; deixar uma linha em branco (1,5) com espaçamento 6 pt antes e 0 pt depois do título de cada seção do artigo. Deixar uma linha (1,5) entre o ABSTRACT/KEYWORDS e o início do texto.

4. Adentramento: 1, 25 cm para assinalar início de parágrafos.

5. Tabelas, ilustrações (fotografias, desenhos, gráficos etc.) e anexos devem vir prontos para serem inseridos, dentro do padrão geral do texto e no espaço a eles destinados pelo(s) autor (es). Para anexos que constituem textos já publicados, incluir bibliografia completa bem como permissão dos editores para publicação.


Primeira página

1 Título em português ou na língua estrangeira em que o artigo foi escrito, fonte 14, Arial, centralizado sem margem, maiúsculas apenas para primeira letra ou nomes próprios, negrito, seguido de barra e da tradução para o inglês, em itálico e negrito.

2 O(s) nome(s) do(s) autor (es) deve(m) se encontrar a 3 espaços simples abaixo do título à direita, em itálico, sem negrito, letras maiúsculas somente para as iniciais, com um asterisco que remeterá ao pé da página para identificação da titularidade acadêmica e funcional, da instituição a que o autor pertence por extenso, separada por um hífen da sigla, seguida pela cidade, estado, país; indicação dos financiamentos de agências de fomento relacionados ao trabalho a ser publicado quando houver e endereço eletrônico (sem a palavra e-mail), fonte 10, Arial, justificado.

*Professor da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUC/SP, São Paulo, São Paulo, Brasil; FAPESP, Proc. NNNN/NNNN-N; xxxx@gmail.com

3 A palavra RESUMO (fonte sem itálico) deve estar em maiúsculas, sem dois pontos, três linhas (simples) abaixo do nome do autor, sem adentramento. Iniciar o texto do resumo na linha de baixo.

4 O texto do resumo, na língua em que foi escrito o artigo, deverá vir abaixo da palavra RESUMO, sem adentramento, e deverá ter, no máximo, 150 palavras.

5 As PALAVRAS-CHAVE devem ser inseridas na linha de baixo, espaçamento simples, na língua utilizada no artigo, máximo de cinco (5). Só a primeira letra de cada palavra/expressão estará em maiúscula; uso de ponto e vírgula para separação entre as palavras, sem ponto no final.
Ex.: PALAVRAS-CHAVE: arte; desenvolvimento técnico; modernidade artística; função da arte; cinema.

6 A palavra ABSTRACT (fonte itálico) deve aparecer em maiúsculas, sem dois pontos, três linhas abaixo das PALAVRAS-CHAVE, sem adentramento. Iniciar o texto do abstract na linha de baixo.

7 O resumo em inglês deve ter, no máximo, 150 palavras, espaçamento simples ,fonte itálico.
As KEYWORDS, máximo de cinco (5) palavras, devem aparecer na linha de baixo, espaçamento simples. Só a primeira letra de cada palavra estará em maiúscula.
Ex.: KEYWORDS: Carnival; Dialogism; Reversible time; Statement; Public and private sphere

Corpo do artigo: Seções, Subseções, Notas

Seções e subseções: sem adentramento, em maiúsculas só a palavra inicial, numerados em algarismos arábicos e sem ponto, em negrito; a numeração não inclui a introdução, a conclusão e as referências.

Indicações bibliográficas no corpo do texto deverão vir entre parênteses, resumindo-se ao último sobrenome do autor, data de publicação da obra e página, separados por vírgulas:
Ex.: (BENJAMIN, 1984, p. 261-306)

Se o nome do autor estiver citado no período, indicam-se, entre parênteses, apenas a data e a página. Não utilizar, nas citações, expressões como Idem, Ibidem, Op. Cit.. Fornecer sempre a referência completa como no exemplo anterior.

Notas

As notas devem aparecer ao pé da página, corpo 10, numeradas de acordo com a ordem de aparecimento.

Uso de recursos tipográficos: itálico, negrito, sublinhado e “aspas”

Itálico: deverá ser utilizado em três situações: palavras de língua estrangeira, citação de títulos de obras no corpo do texto, ênfase ou destaque de palavra ou trecho do texto.

Negrito: evitar esse recurso tipográfico. Utilizá-lo apenas no título do artigo, nas seções e subseções.

Sublinhado: evitar esse recurso tipográfico.

Aspas: devem ser empregadas no corpo do texto para citações de trechos de obras; jamais em títulos de artigos, canções, partes de obras ou capítulos, que virão sem destaque.
Ex.: No artigo Os gêneros do discurso, “todos os diversos campos da atividade humana estão ligados ao uso da linguagem” (BAKHTIN, 2003, p. 261).

Citações: direta com mais de três linhas

Para citação direta com mais de três linhas, submeter o trecho citado a um recuo equivalente a 4 cm, sem adentramento no começo do parágrafo, fonte 11 e espaço simples. NÃO empregar aspas. No final, entre parênteses, inserir: sobrenome do autor (em maiúsculas), data da edição utilizada, número da página.

Para citação com mais de três autores, indique, entre parênteses, o primeiro autor seguido da expressão et al., data: (CASSANAS et al., 2003, p. 205).

Todas as citações de textos estrangeiros devem ser traduzidas para o português. Usar, sempre que possível, as traduções já existentes. O original, se necessário, deve aparecer em nota de rodapé.


REFERÊNCIAS

A palavra REFERÊNCIAS em maiúsculas, sem adentramento, duas linhas antes da primeira entrada. A primeira entrada deve vir na segunda linha abaixo da expressão REFERÊNCIAS.

As referências devem ser citadas em ordem alfabética, sem numeração, com espaçamento simples com 6 pt antes e 0 pt depois entre as referências. Caso haja mais de uma obra do mesmo autor, citar respeitando a ordem cronológica de publicação; caso haja mais de uma obra do mesmo autor publicada no mesmo ano, diferenciá-las por meio de a, b e c.

1.  Livros:
SOBRENOME DO AUTOR, Nome de autor. Título do livro (em itálico, somente a primeira letra em maiúscula): subtítulo (sem itálico). Tradução por Nome do Tradutor. Edição. Local: Editora, data. v. (Série ou Coleção).
Ex.: Barthes, R. A Câmara Clara, Rio de Janeiro: Nova Fronteira,1984


2.  Capítulos de livro:
SOBRENOME DO AUTOR, Nome do autor. Título do capítulo sem destaque. In: seguida das referências do livro: SOBRENOME DO AUTOR, Nome de autor. Título do livro (em itálico, somente a primeira letra em maiúscula): subtítulo (sem itálico). Tradução por Nome do Tradutor. Edição. Local: editora, data, número das p. (páginas consultadas) ou v. (Série ou Coleção).
Ex.: Benjamin, W. A obra de arte na era de sua reprodutibilidade técnica, in Obra Escolhida, vol I, São Paulo, Brasiliense, 1985, p. 165-196

3. Trabalhos publicados em anais de eventos ou similares:
SOBRENOME DO AUTOR, Nome do autor. Título: subtítulo. In: Nome do evento (em itálico), número, ano, local de realização. Título da publicação (em itálico): subtítulo da publicação (sem itálico). Local de publicação (cidade): Editora, data, páginas inicial-final do trabalho.

Ex.: FARACO, C. A. Voloshinov um coração humboldtiano? In: XI Conferência Internacional sobre Bakhtin, 11, 2003, Curitiba. Proceedings of the Eleventh International Bakhtin Conference. Curitiba: Universidade Federal do Paraná, 2004,p.261-264.

4.Partes de publicações periódicas


4.1Artigos de periódicos: SOBRENOME DO AUTOR, Nome do autor. Título do artigo (sem destaque). Nome do periódico (em itálico), cidade, volume e número do periódico, páginas, data de publicação.
Ex.: BRAIT, B. Língua nacional: identidades reivindicadas a partir de lugares institucionais. Gragoatá, Niterói, n.11, p. 141-155, 2. sem. 2001.

4.2Artigos de jornal:SOBRENOME DO AUTOR, NOME DO AUTOR. Título do artigo. Título do jornal, Número ou título do caderno, seção ou suplemento, Local, páginas inicial-final, dia,mês,ano.

Ex.: AGAMBEN, G. - A zona morta da lei. Jornal Folha de São Paulo, suplemento Mais! São Paulo, p.  16/03/2003.

5. Monografias, dissertações e teses:
SOBRENOME DO AUTOR, NOME DO AUTOR, título (itálico): subtítulo (redondo), ano, número de folhas ou volumes, (Categoria e área de concentração) Nome da Faculdade, Nome da Universidade, cidade.
Ex.: SILVA, J. Dialogismo e autoria: análise diacrônica. 2008. 130 f. Dissertação. (Mestrado em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem) Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo.

6. Publicações online:
SOBRENOME DO AUTOR, NOME DO AUTOR. Título do artigo. Nome do periódico. Cidade, volume do periódico, número do periódico, ano. Disponível em: [endereço eletrônico]. Acesso em: dia/mês/ano.
Ex.: SAMPAIO, M. C. H. A propósito de “Para um filosofia do ato” (Bakhtin) e a pesquisa científica em ciências humanas. Bakhtiniana, São Paulo, v. 1, n. 1, 1º sem. 2009. Disponível em: [http://www.linguagememoria.com.br] Acesso em: 29 out. 2009.

7. Filmes e material iconográfico

7.1 Filmes:
NOME DO FILME. Diretor. Estúdio de produção do filme. País de origem da produção: ano de produção. Local da distribuidora: Nome da distribuidora, data. Suporte [VHS ou DVD]. (Tempo de duração), colorido ou p & b.
EX.: MACUNAÍMA. Direção (roteiro e adaptação) de Joaquim Pedro de Andrade. Filmes do Serro/Grupo Filmes/Condor Filmes. Brasil: 1969. Rio de Janeiro: Videofilmes, 1969. Versão restaurada digitalmente, 2004. [DVD]. (105 minutos), colorido.

7.2 Pinturas, fotos, gravuras, desenhos etc.:
AUTOR. Título [quando não houver indicar sem título, entre colchetes]. Data. Especificação do suporte. Havendo mais dados, podem ser acrescentados para melhor identificação do material.
Ex.: ALMEIDA JÚNIOR. Caipira picando fumo. 1893. Óleo sobre tela. São Paulo, Pinacoteca do Estado de São Paulo.

8. Discos
8.1 Discos considerados no todo:
SOBRENOME DO ARTISTA, Nome do artista [ou NOME DO GRUPO]. Título da obra: subtítulo [Indicar se se trata de CD ou Vinil]. Local da gravadora: Nome da gravadora, data.
Ex. : VELOSO, C. Caetanear. São Paulo: Polygram, 1989.

8.2 Partes de discos (canções, peças etc.):
AUTOR DA CANÇÃO. Título da canção. In: AUTOR DO DISCO. Título da obra: subtítulo [informar se setrata de CD ou Vinil]. Local da gravadora: nome da gravadora, data.
Ex.: VELOSO, Caetano. O quereres. In: VELOSO, C. Caetanear [CD]. São Paulo: Polygram, 1989.

ANEXOS
Devem ser colocados antes das referências, precedidos da palavra ANEXO, sem adentramento e sem numeração.

FIGURAS
As ilustrações deverão ter a qualidade necessária para publicação eletrônica. Deverão ser identificadas, com título ou legenda, e designadas, no texto, de forma abreviada, como figura (Fig. 1, Fig. 2 etc.). Deverão vir em arquivos JPEG ou tif.com resolução de 300 dpi e até 2Mg.


- Formato da resenha

As resenhas devem apresentar cerca de 10.000 caracteres e devem conter, no início, a referência completa da obra resenhada, incluindo o número de páginas, em fonte 14, negrito e espaçamento simples, sem título, sem resumo, sem palavras-chave, sem referências ao final do texto, sem citações que excedam três linhas. O nome do autor da resenha deve estar 3 linhas abaixo da referência (espaçamento simples). Deve ser seguido de asterisco que remete ao pé da página com qualificação do autor: instituição a que pertence, cidade, estado, país e email.

O texto da resenha deve encontrar-se a 7 espaços simples abaixo do nome do autor em Arial corpo 12 e espaçamento 1,5. Configurar a página: tamanho do papel: A4 (21,0x 29,7 cm); margens superior e inferior: 3 cm; direita: 3,0 cm; esquerda: 3,0 cm.

Adentramento: 1,25cm para assinalar início de parágrafo.


Informações gerais:

A desconsideração das normas apresentadas implicará a não aceitação do trabalho.

A partir da aceitação, avaliadores selecionados em função da área de especialidade analisarão o artigo de acordo com os parâmetros científicos em vigor. A equipe editorial repassará o parecer ao candidato assim que termine o processo de avaliação; se o parecer for favorável, mas com ressalvas, o autor receberá os comentários do avaliador a fim de propor novamente seu artigo.


Observação:
Não serão aceitos trabalhos enviados por e-mail fora do sistema da revista.

 

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.

  1. Encaminhamento:

    Os autores devem realizar o cadastro (Login/Senha) no site da revista; na seção Submissões Online, preencher corretamente o perfil e escolher a opção “AUTOR”, observando os campos obrigatórios de preenchimento (os que estão acompanhados de asterisco). É importante “salvar” as informações registradas.

    Depois de ter realizado esses passos, passar para “SUBMISSÕES ATIVAS” e iniciar o processo de submissão através do link “CLIQUE AQUI PARA INICIAR O PROCESSO DE SUBMISSÃO”, no qual irá realizar os cinco passos básicos:

    1- Início: Iniciar o processo de submissão, confirmando se está de acordo com as condições estabelecidas pela revista (marcando as caixas de seleção das condições e da declaração de direito autoral) e selecionar a seção artigos;

    2- Inclusão de metadados: indicar os dados principais – nome, sobrenome (o sistema traduz como prenome e nome), e-mail, instituição, cidade, estado e país, resumo da biografia, título e resumo (em português e inglês); indicação dos financiamentos de agências de fomento relacionados ao trabalho a ser publicado;

    3- Transferência de originais: realizar a transferência do arquivo para o sistema;

    4- Transferência de documentos suplementares: realizar a transferência de arquivos com informações suplementares, que funcionam como um apêndice ou anexo ao texto principal, tais como instrumentos de pesquisa, conjuntos de dados e tabelas, que seguem os padrões de ética de avaliação, fontes de informação normalmente não disponíveis para leitores, ou figuras e/ou tabelas que não podem ser integradas ao texto.

    5- Confirmação: Concluir a submissão.

    Após concluir os cinco passos acima descritos, o autor deve aguardar o e-mail do editor e, nesse ínterim, poderá acompanhar todo o fluxo de seu trabalho, da submissão, aceite, avaliação, reedição do original até a publicação. Os artigos, após a submissão, são designados aos avaliadores definidos pelo conselho ou editores da revista. A política de seleção dos artigos é definida pelos membros do Conselho Editorial e pelos Editores da revista
  2. A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista; caso contrário, justificar em "Comentários ao Editor". O autor assume a responsabilidade pelo conteúdo do texto e transfere todos os direitos autorais do presente texto à revista Paralaxe.
  3. Os arquivos para submissão estão em formato Microsoft Word, OpenOffice ou RTF (desde que não ultrapasse os 2MB) conforme explicitado nas diretrizes.
  4. Todos os endereços de páginas na Internet (URLs), incluídas no texto (Ex.: http://www.ibict.br) estão ativos e prontos para clicar. Indicar a última data de acesso.

  5. O texto está formatado conforme as normas da revista. O tamanho total do arquivo não supera 45 mil caracteres com espaços; usa uma fonte de 12-pontos; emprega itálico ao invés de sublinhar (exceto em endereços URL); com figuras e tabelas inseridas no texto, e não em seu final.

  6. O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos nas diretrizes, explicitadas acima.

  7. A identificação de autoria deste trabalho foi removida do arquivo e da opção Propriedades no Word, garantindo desta forma o critério de sigilo da revista, caso submetido para avaliação por pares (ex.: artigos), conforme instruções disponíveis em Assegurando a Avaliação por Pares Cega.

 

Declaração de Direito Autoral

Cedo à revista Paralaxe os direitos autorais de publicação de meu artigo e consultarei o editor científico da revista caso queira republicá-lo depois em livro.

 

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou à terceiros.