AS CONFERÊNCIAS NACIONAIS DE CULTURA NO BRASIL COMO INSTÂNCIAS DE ESCUTA E DE EXERCÍCIO DO DIREITO DE PARTICIPAÇÃO NA VIDA CULTURAL

Ana Lúcia Aragão

Resumo


Esse trabalho é parte de uma pesquisa sobre o direito de participação na vida cultural no Brasil no governo do presidente Lula. Nesse período foram realizadas duas conferências nacionais de cultura, organizadas pelo Estado, com a participação de diversos atores da sociedade civil até então excluídos do processo de participação direta na construção de propostas para as políticas públicas. É destacado o potencial de mobilização das conferências, seja no sentido do debate público, visibilidade do setor e participação direta dos atores interessados, seja no sentido de proporcionar novas possibilidades de articulações e arranjos e de aprofundamento da democracia, além de ser uma possibilidade real de influenciar na construção das políticas públicas garantidoras dos direitos culturais.


Palavras-chave


Direito de participação. Democracia. Conferências de cultura

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Pensamento & Realidade

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

e-ISSN: 2237-4418
ISSN Impresso: 1415-5109

Indexado em: