GESTÃO DE PESSOAS E O PROCESSO DE RECOMPENSAR A MOTIVAÇÃO DOS FUNCIONÁRIOS: ESTUDO DE CASO DO SETOR METALÚRGICO

Juliana Perraro, Adriana Carvalho Pinto Vieira, Patricia Sa Freire, Julio Cesar Zilli, Debora Volpato

Resumo


Na atual economia globalizada, as organizações estão cada vez mais competitivas na busca por um lugar menos instável comparativamente aos concorrentes. Os indivíduos tornam-se elementos essenciais para o incremento de estratégias voltadas a maximização de valores distintivos percebidos pelos clientes. A área de Gestão de Pessoas tem enfrentado desafios para a gestão destes elementos organizacionais para a motivação. Infere-se que bibliograficamente o salário é fator higiênico, isto é, sua presença remove a insatisfação e sua ausência provoca-a. Mas, não é consenso na literatura que o salário é um fator motivacional, entretanto através da pesquisa de campo, concluiu-se que o salário é um fator motivacional.


Palavras-chave


Retenção de talentos. Gestão estratégica de pessoas. Recompensar e motivar.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Pensamento & Realidade

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

e-ISSN: 2237-4418
ISSN Impresso: 1415-5109

Indexado em: