Análise de Novos Modelos de Consumo, Ações Coletivas e Leilões: A Nova Significação dos Cliques

Lawrence Koo

Resumo


Nós assistimos, nos dois últimos anos, aos lançamentos de diversas novas formas de compra online, influenciadas pela comunicação por meio de redes sociais e facilitadas pela disponibilidade de acesso a Web, por meio de computação ubíqua com artefatos móveis tais como, smartphones e tablets, concorrendo com outros meios tradicionais de e-commerce, como e-Bay e lojas online em geral. Por meio desses modelos, os consumidores das lojas de desconto ganharam novos canais de acesso a produtos de grife com grandes abatimentos nos preços inovando no mundo virtual os antigos Outlets físicos. Outros produtos, como aplicativos para celular e tablets conhecidos como Apps, que podem ser adquiridos muito facilmente por meio de um simples clique, estão mudando rapidamente a cultura e a forma de comprar. Os fatos descritos alteram a significação dos cliques. Procuramos analisar, sob a perspectiva da cultura digital contemporânea de Nova Spivack (2007), Chris Anderson (2006) e Don Tapiscott e Anthony Williams(2006), as reações e os valores atribuídos a cliques na Web 1.0, 2.0 e 3.0.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Pensamento & Realidade

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

e-ISSN: 2237-4418
ISSN Impresso: 1415-5109

Indexado em: