CONSTRUÇÃO DA IDENTIDADE PROFISSIONAL DE MULHERES GESTORAS EM EMPRESAS DE MÉDIO E GRANDE PORTE

Luciana Lima Campos, Angela Christina Lucas, Andre Luiz Fischer

Resumo


Esta pesquisa teve como objetivo identificar como está sendo construída a identidade sócio-profissional das mulheres que superaram as barreiras do fenômeno chamado “teto de vidro”. As mulheres entraram com maior intensidade no mercado de trabalho a partir da década de 60 e esse fato ocasionou impactos profundos na sociedade, como diminuição do número de filhos por família e aumento da escolaridade feminina. Em termos de legislação trabalhista, as leis foram se adaptando a essa nova força de trabalho que começou a crescer nas organizações. Embora as mulheres tenham conseguido algumas conquistas, os salários e promoções não são compatíveis com as de seus colegas homens. Para essa conquista, elas devem superar o teto de vidro, barreira invisível para níveis hierárquicos mais altos, e nesse processo, elas vão construindo e reconstruindo sua identidade. Para a construção da identidade profissional das mulheres, assuntos com utilização de referências masculinas e conflitos entre a vida pessoal e profissional aparecem de maneira constante. Por meio de entrevistas semi-estruturadas com seis mulheres que ocupam cargo de gestão, pertencentes a empresas de médio e grande porte, nacionais e multinacionais, foram coletados relatos auto biográficos de suas trajetórias profissionais. A análise crítica dos discursos permitiu identificar que, em geral, as identidades dessas gestoras são fortemente determinadas pelo papel profissional, sendo construídas coletivamente a partir da resistência à lógica de dominação estabelecida pelos princípios tradicionais do patriarcado.


Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Pensamento & Realidade

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

e-ISSN: 2237-4418
ISSN Impresso: 1415-5109

Indexado em: