Os Trabalhos de Conclusão de Curso e a interdisciplinaridade: da teoria à prática

Adriana Gomes de Freitas, Sandra Maria Pinto Magina, Mauro Maia Laruccia, Getulio de Sousa Nunes, Marcos Cordeiro Pires

Resumo


Este trabalho tem por objetivo investigar o grau de interdisciplinaridade existente nas monografias de conclusão da graduação em Administração em São Paulo. O artigo inicia com uma discussão sobre o significado e a necessidade do trabalho de conclusão de curso (aqui discutidas apenas as monografias), trazendo reflexões tanto de autores consagrados na área, quanto das recomendações contidas nas Diretrizes Curriculares Nacionais, exposta última versão, de 2004. Na seqüência, há uma revisão teórica sobre a interdisciplinaridade e seu papel na formação do administrador, discutindo a diferença conceitual entre trans e interdisciplinaridade. Para abordar a questão empiricamente, foi realizado um estudo com análise de 45 monografias advindas de três instituições de ensino superior — 15 de cada — nas quais buscou-se identificar se a interdisciplinaridade estava contemplada e em que grau. A pesquisa verificou que não há uma preocupação em atender tal aspecto, embora tenham sido identificadas algumas (poucas) intersecções disciplinares. Concluindo, há um descompasso entre o que é sugerido pelo CNE e o que é efetivamente desenvolvido nas monografias de final de curso.

Palavras-chave


Interdisciplinaridade; ensino de Administração; Trabalho de Conclusão de Curso; formação do administrador

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Pensamento & Realidade

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

e-ISSN: 2237-4418
ISSN Impresso: 1415-5109

Indexado em: