Ensino fundamental em ambiente privilegiado em TI. Estudo de caso em tradicional colégio paulistano

Roberto Correia de Melo

Resumo


O gradativo incremento no uso de computadores e das Tecnologias da Informação (TI) pela sociedade também ocorre nas salas de aula do ensino fundamental de um tradicional colégio paulistano? Ao longo dos últimos 5 anos, essa utilização aumentou e introduziu algum fator pedagógico significativo nas aulas desse colégio? Novas práticas e/ou metodologias de ensino e aprendizagem estariam surgindo para adequarem-se ao novo ambiente rico em TI? Novos papéis estariam sendo, aos poucos, desempenhados por docentes e alunos? Novas formas de relacionamento entre eles estariam surgindo? Essas são as questões que buscamos responder nesse artigo, com base em uma breve revisão teórica sobre capital cultural, capital social, símbolos, teorias cognitivas, práticas de ensino centradas no professor ou centradas no aluno, concluindo com a apresentação e análise dos resultados de estudo de caso realizado em um tradicional colégio paulistano em 2005, comparando alguns dos dados levantados com os obtidos em 2000, nessa escola, quando da aplicação do mesmo questionário.

Palavras-chave


Capital social; capital cultural; símbolos; ensino fundamental; teorias cognitivas; ensino centrado no aluno; metodologias de aula; mudanças no ensino fundamental com o uso de TI

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Pensamento & Realidade

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

e-ISSN: 2237-4418
ISSN Impresso: 1415-5109

Indexado em: