As dinâmicas do trabalho e a gestão por competências rumo à sociedade do conhecimento

Mariluci Alves Martino

Resumo


O presente artigo discute a superação do paradigma taylorista/fordista, como eixo norteador das novas relações de trabalho e de gestão de pessoas. Destaca a introdução do modelo de competências como um imperativo à superação do modelo tradicional de qualificação, que tradicionalmente esteve vinculada ao posto de trabalho e vem a romper com os modos preexistentes de designação, promoção e remuneração do trabalho, tais como eram difundidos com o nome de job skills e job evaluation. Analisa a introdução do modelo de competência à luz das transformações na sociedade a partir da era industrial ou capitalista rumo à sociedade do conhecimento.

Palavras-chave


Transformações no trabalho; qualificação; competências e sociedade do conhecimento.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Pensamento & Realidade

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

e-ISSN: 2237-4418
ISSN Impresso: 1415-5109

Indexado em: