Processo decisório: uma definição

Rogerio Araujo Medeiros

Resumo


Os teóricos clássicos da administração (Taylor e Fayol) defendiam que a gerência deveria estar voltada para questões formais da organização, produzindo arranjos mais racionais e, com isto, alcançar a máxima eficiência organizacional. Estes arranjos são determinados pela capacidade do tomador de decisão, isto é, dependem do nível de informação e conhecimento do comportamento das variáveis que influenciam o ambiente (externo e interno), no qual ele se encontra.Considerando que o homem, no caso o tomador de decisão, não consegue conhecer todas as alternativas em curso e suas conseqüências, como os economistas clássicos acreditavam, o presente artigo tem a pretensão de: a) auxiliar os administradores na compreensão do processo decisório, mais precisamente quanto às racionalidades adotadas no ato de decidir e, assim, subsidiar o aperfeiçoamento do processo de tomada de decisão; b) ampliar o conhecimento, melhorar a eficiência produtiva e gerencial dos tomadores de decisão.

Palavras-chave


Tomada de decisão; processo decisório; racionalidade

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Pensamento & Realidade

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

e-ISSN: 2237-4418
ISSN Impresso: 1415-5109

Indexado em: