AS IMPLICAÇÕES DA CULTURA ORGANIZACIONAL NO PROCESSO DE INOVAÇÃO NAS ESCOLAS DE SAMBA DA CIDADE DE SÃO PAULO: O CASO DA ESCOLA DE SAMBA VAI VAI

Márcio Cardoso Santos, Larissa Rodrigues Terra, Evange Elias Assis

Resumo


Já se tornou notória a mobilização de milhares de pessoas para prestigiar o carnaval paulistano. Como o evento é atrativo turístico da cidade, é considerado motivo para investimentos do governo em obras públicas. Diante da relevância do evento carnavalesco, da estrutura complexa das agremiações e o alto nível de competitividade nos desfiles, este trabalho tem como propósito explorar o carnaval como fonte de inovação e organização. Acredita-se que o evento carnavalesco deve ser analisado não só como espetáculo, mas como fonte de teorias para a área dos estudos organizacionais. Como a investigação compreende um objeto pouco comum, as Escolas de Samba, o procedimento metodológico que melhor se enquadrou foi uma pesquisa exploratória de cunho empírico, por meio de estudo de caso e levantamento bibliográfico. A liderança é responsável por um ambiente de incentivo a interação e o aprendizado contínuo, enfatizando as competências e habilidades dos integrantes, como meio de promover ações inovadoras. Compreende-se que a inovação exige um processo metodológico para ser adotada e desenvolvida nas organizações, mas já foi possível notar que a Escola de Samba Vai Vai, dispõe de ambiente e histórico propício para ações de inovação, o que provavelmente influencia o seu bom desempenho nos desfiles.

Palavras-chave


Inovação, Cultura Organizacional e Escolas de Samba

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.20946/rad.v13i3.7799

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Flag Counter

Revista Administração em Diálogo - RAD
ISSN: 2178-0080

     

 

Apoio: