Call for papers

Dossiê “Transhumanismo e Estudo da Religião”
Prazo para submissão: 30 de novembro de 2020.


A REVER: Revista de Estudos da Religião (ISSN 1677-1222; detalhes de indexação: http://revistas.pucsp.br/index.php/rever), vem convidar pesquisadores interessados no tema “Transhumanismo e Estudo da Religião” a submeterem manuscritos.

O transhumanismo, movimento que extrai de recentes desenvolvimentos científicos e tecnológicos elementos para propor modificações radicais na natureza humana, tem suscitado interesse de várias áreas do conhecimento, que incluem história, filosofia, teologia, ciências sociais, ciências médicas etc. De fato, os principais proponentes desse movimento têm apresentado cenários do futuro que desafiam a autocompreensão do ser humano. A produção acadêmica em torno do movimento tem se dedicado mais a promover ou a criticar seus principais pontos. Isto é visto de modo mais agudo no trato com a religião, visto que esses pontos apresentam repercussão direta nas doutrinas tradicionais das grandes religiões. Se tais questionamentos tem sido de interesse para teólogos e agentes religiosos, o interesse de cientistas da religião pelo transhumanismo enquanto objeto de pesquisa tem sido menor (para um bom exemplo do que se tem em mente, ver Abou Farman, “Mind out of Place: Transhuman Spirituality”. Journal of the American Academy of Religion, March 2019, Vol. 87, No. 1, pp. 57–80. doi:10.1093/jaarel/lfy039. Ver também trabalhos de William Bainbridge e Robert Geraci).

Portanto, o propósito desde dossiê é despertar o interesse de pesquisadores para esse campo de estudos, que pode ser trabalhado por diferentes disciplinas. O movimento transhumanista pode ser abordado tanto em suas propostas de aprimoramento humano como nos cenários de transcendência radical do substrato biológico pela inteligência artificial e pela robótica. Ademais, prioriza-se aqui o estudo do transhumanismo enquanto advindo dos principais centros científico-tecnológicos mundiais (Ver The Transhumanist Reader, do casal Max e Natasha Vita-MORE. Oxford: Wiley-Blackwell, 2013; Antonio DIEGUEZ. Transhumanismo. La Búsqueda de Tecnología de Mejoramiento Humano. Barcelona: Herder, 2017; Nick BOSTROM. Superinteligência. Caminhos, Perigos e Estratégias para um Novo Mundo. Barueri-SP: Ed. Darkside, 2018) e menos o pós-humanismo, da área de estudos culturais e representado, por exemplo, por Rosi Braidotti e Cary Wolfe. Há uma preferência por estudos empíricos do movimento transhumanista, aceitando-se diferentes abordagens típicas da área da ciência da religião, como por exemplo o estudo de religiões seculares. As abordagens empregadas devem ser equilibradas e distanciadas, sem interesses apologéticos pró ou contra. Entre os tópicos sugeridos para a apresentação dos artigos encontram-se:
  • Raízes teológicas da tecnologia;
  • milenarismos e messianismos tecnológicos;
  • visões religiosas e transhumanistas da natureza humana;
  • imortalidade e vida eterna;
  • transhumanismo e as grandes religiões;
  • transhumanismo como novo movimento religioso;
  • religiões (igrejas) transhumanistas;
  • o transhumanismo na sociedade capitalista e de consumo, e religiosidade correspondente;
  • transhumanismo como religião secular/implícita;
  • espiritualidade transhumanista.
Os idiomas dos manuscritos são português, inglês e espanhol. As normas de publicação estão em https://revistas.pucsp.br/index.php/rever/about/editorialPolicies#custom-0. Não serão aceitas submissões fora dessas normas.

Para maiores informações, entrar em contato com Eduardo R. Cruz, erodcruz@pucsp.br