Superávit primário, dívida pública e taxa de juros no Brasil recente (2000-2005): uma perspectiva crítica

Ricardo Ramalhete Moreira

Resumo


O objetivo deste trabalho é o de analisar criticamente a política fiscal brasileira nos últimos anos. Busca-se verificar se a atual política de superávits primários tem alcançado os resultados esperados pelas autoridades brasileiras, em termos de redução da relação dívida pública/PIB e das taxas internas de juros. Em princípio, esses resultados não têm sido alcançados. O presente artigo procura compreender por quê, mesmo na presença de elevados esforços fiscais, o Brasil não tem conseguido conviver com uma curva descendente para a relação dívida pública/PIB e para a taxa básica de juros nos anos recentes.

Palavras-chave


superávit primário; dívida pública; economia brasileira

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexadores:

Nacionais:

pesquisa & debate


Internacionais: