CRESCIMENTO DO EMPREGO NO ESPÍRITO SANTO:

Sávio Bertochi Caçador, Edson Zabon Monte

Resumo


Entre 2001 e 2010, o emprego formal cresceu 67% no Espírito Santo. Dessa forma, o objetivo deste trabalho é analisar quais municípios e setores contribuíram mais para esse crescimento usando o método shift-share. Os resultados indicaram uma considerável dispersão entre as cidades na criação de emprego, de acordo com suas estruturas produtivas e fatores específicos que podem ou não gerar vantagens competitivas. Finalmente, considerando a Região Metropolitana da Grande Vitória, os resultados mostram que o emprego cresceu num ritmo menor na capital se comparado a quase todas as cidades vizinhas, em razão de deseconomias de aglomeração em Vitória

Palavras-chave


emprego; método shift-share; economias de desaglomeração

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexadores:

Nacionais:

pesquisa & debate


Internacionais: