Cidades fractais: a ilha da magia e seus alquimistas

Hoyêdo Nunes Lins

Resumo


A Ilha de Santa Catarina, onde fica a maior parte do Município de Florianópolis, costuma ter reverenciados atributos como diversidade de condições para turismo e elevada qualidade de vida. Partindo disso, este artigo aborda processos recentes da socioeconomia local, vinculados a turismo e software, e explora alguns de seus reflexos no espaço urbano insular. Também se perscruta a cidade exterior às imagens simbólicas, estranha às estratégias de marketing e desconsiderada nos grandes projetos. Conclui-se que o mesmo ambiente inspirador de celebrações entusiasmadas abriga a consolidação de uma realidade em quase nada distinta daquelas observadas em tecidos urbanos problemáticos do Brasil.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexadores:

Nacionais:

pesquisa & debate


Internacionais: