Sobre os porquês do pluralismo em economia: aproximações de uma alternativa historicista

Marco Antonio Ribas Cavalieri

Resumo


É comum, entre os economistas preocupados com o método, falar em uma nova metodologia da economia. Esta nova tendência surgiu da decepção e abandono da busca de um critério único para o julgamento da cientificidade de programas de pesquisa. Nessa esteira, entre os estudos que formam esta nova tendência, encontram-se diversas modalidades de pluralismo. Neste artigo, sugere-se que o pensamento de um dos patronos da filosofia hermenêutica, Wilhelm Dilthey, oferece uma opção epistemológica para a legitimação desta situação na ciência econômica. Este ideário é especialmente apresentado como alternativo aos pluralismos de Bruce Caldwell e Sheila Dow.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexadores:

Nacionais:

pesquisa & debate


Internacionais: