Avaliação da habilidade de leitura de crianças da segunda série através da análise acústica

Mariana Hargreaves Araújo, Plínio Almeida Barbosa

Resumo


Para investigar algumas variáveis do desempenho em leitura, duas crianças da segunda-série foram selecionadas de um grupo porque seus desempenhos na leitura foram bem diferentes em termos de frequência e tipo de pausas silenciosas e taxa de leitura. O grupo foi formado por 32 crianças da 1ª, 2ª, 3ª, e 4ª séries (2º, 3º, 4º e 5º anos do ensino fundamental). Através da análise fonético-acústica de um texto lido por elas, conseguimos medir a taxa de leitura expressa em unidades VV por segundo, assim como observar aspectos do desempenho e da prosódia como frequência absoluta, duração e tipo de pausas silenciosas hesitativas e não-hesitativas; duração média do grupo acentual; frequência absoluta e duração de unidades VV por grupo acentual; duração de unidades compreendendo a primeira vogal vindo antes da pausa silenciosa e a mesma. A análise estatística sugere que a variável duração de pausa silenciosa não parece diferir entre as crianças. Contudo, alguns aspectos como número de unidades VV por grupo acentual, taxa de leitura, frequência e tipo de pausas silenciosas hesitativas variam bastante e podem ser importantes como parâmetros de desempenho de leitura.

Palavras-chave


desempenho em leitura; aprendizado de leitura; fonética-acústica; Português Brasileiro

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Revista Delta-Documentação e Estudos em Linguística Teórica e Aplicada ISSN 1678-460X