A teoria da proeminência de Grimshaw e os psico-verbos do português brasileiro

Márcia Cançado

Resumo


O objetivo desse pape é fornecer evidências para uma análise semântica das questões levantadas pelos verbos psicológicos. Fazemos isso através da análise da Teoria das Promessas de Grimshaw. A teoria afirma que a Estrutura do Argumento não consiste apenas em um conjunto de argumentos, mas é uma representação da estrutura sobre a qual são definidas as relações de destaque, temáticas e aspecto. Grimshaw argumenta que o comportamento do verbo psicológico é uma incompatibilidade entre suas relações de destaque temáticas e aspecto e fornece um tipo de evidência para postular uma Estrutura de Argumento estruturada. Mostraremos que a teoria é uma proposta enganosa, porque combina considerações temáticas e aspectos no nível de análise justo.

Palavras-chave


verbos psicológios; estrutura argumental; análise aspectual; papéis temáticos; indícios semânticos

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Revista Delta-Documentação e Estudos em Linguística Teórica e Aplicada ISSN 1678-460X