O comparatismo franco-brasileiro sob o signo da antropofagia, da transculturação e da transferência cultural

Sandra Nitrini

Resumo


Trata-se de reflexões sobre a validade dos conceitos de antropofagia, transculturação e transferência cultural para se estabelecerem relações entre as literaturas do Brasil e da França. Esses conceitos unem-se em torno da recusa da ideia de modelo e na perspectiva de um processo dialético entre os elementos em relação, mostrando-se operatórios para os estudos comparatistas entre as literaturas brasileira e francesa, no contexto do atual mundo globalizado. Entretanto, é preciso reconhecer que a relação entre essas literaturas são ainda dissimétricas.

Palavras-chave


relações Brasil-França; antropofagia; transculturação; transferência cultural; literatura; cultura

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Ponto-e-Vírgula está indexada em:

     

  

ISSN 1982-4807

A revista Ponto-e-Vírgula e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em http://revistas.pucsp.br/pontoevirgula. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em http://revistas.pucsp.br/pontoevirgula.