Acesso vascular em neonatologia: cateter central de inserção periférica e cateter venoso periférico

Marcia Lienemann, Luciane da Silva Takahashi, Reginaldo Passoni dos Santos

Resumo


O objetivo deste artigo é apresentar aspectos relativos ao cateter central de inserção periférica e ao cateter venoso periférico, destacando pontos importantes na escolha do tipo de acesso. Para a passagem do cateter central de inserção periférica é necessário realização prévia de curso específico, sendo que a indicação principal ocorre quando há necessidade do paciente permanecer com acesso por um longo período de tempo. Já a punção venosa periférica é a mais indicada em casos de necessitar de um acesso venoso de forma rápida e segura, para a administração de fluidos, coletas de sangue, hemotransfusão e outros.


Palavras-chave


cateterismo venoso central; cateterismo periférico; cuidados de enfermagem; unidades de terapia intensiva neonatal

Texto completo:

PDF

Referências


Tamez RN. Enfermagem na UTI neonatal: assistência ao recém-nascido de alto risco. 5ª ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 2013.

Teixeira AC, Pereira EL, Silva M. O conhecimento da equipe de enfermagem sobre o manuseio do cateter central de inserção periférica-PICC em uma UTI de um hospital do Sul de Minas [monografia]. Varginha: Universidade José do Rosário Vellano; 2009.

Brenes MIM. Uso do PICC/CCIP em pediatria e neonatologia [apostila]. 2007.

Conselho Federal de Enfermagem. Resolução nº 258, de 12 de julho de 2001. Dispõe sobre Inserção de Cateter Periférico Central, pelos Enfermeiros. Rio de Janeiro: COFEN; 2001.

Conselho Federal de Enfermagem. Lei nº 7.498, de 25 de junho 1986. Dispõe sobre a regulamentação do exercício da Enfermagem e dá outras providências. Rio de Janeiro: COFEN; 1986.

Rodrigues FPM, Magalhães M. Normas e condutas em neonatologia. 2ª ed. São Paulo: Atheneu; 2011.

Centers of Diseases Control and Prevention. Guidelines for the prevention of intravascular catheter-related infections. Atlanta: Department of Health & Human Services; 2011.

Araújo S. Acessos venosos centrais e periféricos: aspectos técnicos e práticos. Rev Bras Ter Intensiva. 2003;15(2:)70-82.

Flato UAP, Santos ISO, Ritt LEF. Acessos venosos em emergências clínicas. Porto Alegre: Prourgen; 2007.

Modes PSSA, Gaíva MAM, Rosa MKO, Granjeiro CF. Cuidados de enfermagem nas complicações da punção venosa periférica em recém-nascidos. Rev Rene. 2011;12(2):324-32.

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Ações Programáticas e Estratégicas. Atenção à saúde do recém-nascido: guia para profissionais de saúde. Brasília: Ministério da Saúde; 2011.

Andrew B. Enfermagem pediátrica: distúrbios, intervenções, procedimentos, exames complementares, recursos clínicos. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 2007.


Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos





Direitos autorais



Apoio: ..............................................................................................................................................

    

Fundação São Paulo - Hospital universitário

 



 

Rev. Fac. Ciênc. Méd. Sorocaba, Sorocaba, SP, Brasil, e-ISSN 1984-4840

A Revista da Faculdade de Ciências Médicas de Sorocaba está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.