Entre livros e televisão: ambiguidades históricas em Fahrenheit 451

Luiz Aloysio Mattos Rangel

Resumo


O presente artigo trata de ambiguidades históricas a partirda análise da obra de ficção científica Fahrenheit 451 (1953), do escritor norte-americano Ray Bradbury. Tem por base a constatação de que o período do qual a obra é um produto é abordado pela historiografia sob duas diretrizes principais. Os EUA dos anos 1950 são notadamente marcados pelo contexto da Guerra Fria e as implicações de um mundo bipolarizado em conflito pela imposição de ideologias incompatíveis, mas também é um período de prosperidade econômica, que propiciou o acesso a um estilo de vida baseado no consumo de bens e na cultura tornada, também, um produto de consumo.

Palavras-chave


Ambiguidades históricas; Anos Dourados; Ficção Científica; Macarthismo

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.