Performatividade e argumentos científi cos da linguística moderna

Kanavillil Rajagopalan

Resumo


Este trabalho discute a tese da ‘situacionalidade’ da pesquisa em linguística, quer teórica, quer aplicada, e algumas das suas implicações. E sustenta que ela está ligada à performatividade de todas as asserções, inclusive as asserções científicas. De forma mais importante, argumento que é a regressão infinita da performatividade que torna inevitável a passagem da pesquisa presumivelmente ‘não influenciada por emoções’ à militância.

Palavras-chave


situacionalidade; performatividade; linguística; pesquisa

Texto completo:

PDF (English)


DOI: https://doi.org/10.1590/delta.v28i1.8836

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Revista Delta-Documentação e Estudos em Linguística Teórica e Aplicada ISSN 1678-460X