Situação epidemiológica dos acidentes de trabalho na unidade regional de emergência de Sorocaba

Dorival Manrique Duarte Junior, Aline Akemi Kataoka, Bárbara Lívia Corrêa Serafim, Ravena Machado Massucatto, Vilma Rodrigues de Avila Coan

Resumo


Introdução: Apesar do avanço no Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN) ainda há extensa subnotificação dos acidentes de trabalho no Brasil. Dentre os acidentes notificados, verifica­se falta de dados nas informações obtidas. Objetivo: Analisar o perfil epidemiológico dos acidentes de trabalho atendidos na Unidade Regional de Emergência (URE) do Conjunto Hospitalar de Sorocaba (CHS). Metodologia: Estudo transversal com análise quantitativa e qualitativa dos acidentes de trabalho recebidos na URE do CHS através da Ficha de Notificação de Acidente de Trabalho Grave do SINAN. Realizada análise descritiva das variáveis categóricas e contínuas. Resultados: Foram analisadas 110 vítimas, cujas características predominantes eram: sexo masculino (77,27%), idade entre 20 e 39 anos (38,18%) e presença de registro trabalhista (65,45%). As duas principais causas foram acidente com motocicleta (46,4%) e queda (21,8%). Ademais, 57,3% dos acidentes foram classificados como de trajeto, de maior incidência nos períodos da noite e madrugada, e 41,2% típico, mais freqüente nos períodos da manhã e tarde (p=0,012). Da totalidade dos casos, 38,3% evoluíram para cura e 58,8% para incapacidade temporária. Conclusão: O acidente de trabalho é importante problema de saúde pública e gera grande impacto econômico por acometer principalmente indivíduos jovens e saudáveis. É muitas vezes negligenciado em decorrência da subnotificação e consequente subdimensionamento da sua gravidade, prejudicando o subsídio de políticas de saúde direcionadas a esses agravos.


Palavras-chave


acidente do trabalho; sistemas de vigilância; saúde do trabalhador

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais



Apoio: ..............................................................................................................................................

    

Fundação São Paulo - Hospital universitário

 



 

Rev. Fac. Ciênc. Méd. Sorocaba, Sorocaba, SP, Brasil, e-ISSN 1984-4840

A Revista da Faculdade de Ciências Médicas de Sorocaba está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.