Uso clínico do strain rate na ecocardiografia sob estresse em paciente assintomática com fatores de risco para doença cardiovascular: relato de caso

Autores

  • Ivan Fernandes Filho Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUCSP)
  • Pericles Sidnei Salmazo Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP)
  • Mônica Oliveira Bernardo Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP)

DOI:

https://doi.org/10.23925/1984-4840.2017v19i4a14

Palavras-chave:

ecocardiografia doppler, ecocardiografia sob estresse, doença de artéria coronariana, hipertensão, isquemia miocárdica, fatores de risco

Resumo

O ecodopplercardiograma transtorácico é um exame de imagem de ampla aplicabilidade clínica que, apesar do requerimento de grande experiência do operador e de possibilidade de janelas acústicas ruins, permite a obtenção de muitas informações de maneira não invasiva, sem riscos de ionização para o paciente, com baixo custo. Quando realizado sob estresse físico ou farmacológico, torna-se uma opção com apropriada acurácia diagnóstica para investigação de isquemia miocárdica. Dentre os recursos disponíveis, o strain rate tem se mostrado útil na detecção de alterações incipientes da função sistólica segmentar, inclusive em pacientes portadores de hipertensão arterial sistêmica e doença arterial coronária. O presente trabalho demonstra o caso de uma paciente do gênero feminino assintomática que, após a submissão ao ecodopplercardiograma sob estresse farmacológico, apresentou hipertrofia do ventrículo esquerdo e strain rate alterado, mesmo sem alterações segmentares de motilidade miocárdica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Referências

Chen MY, Pope TL, Ott DJ. Basic radiology. 2ª ed. New York: Lange Medical Books/McGraw-Hill; 2011.

Camarozano A, Rabischoffsky A, Maciel BC, Brindeiro Filho D, Horowitz ES, Pena JL, et al. Diretrizes das indicações da ecocardiografia. Arq Bras Cardiol. 2009;93(6 Suppl 3):e265-302.

Otto CM. Fundamentos de ecocardiografia clínica. 5ª ed. Rio de Janeiro: Elsevier Health Sciences Brazil; 2015.

Matos-Souza JR, Franchini KG, Nadruz Junior W. Hipertrofia ventricular esquerda: o caminho para a insuficiência cardíaca. Rev Bras Hipertens. 2008;15(2):71-4.

Cesar LA, Ferreira JF, Armaganijan D, Gowdak LH, Mansur AP, Bodanese LC. Diretriz de doença coronária estável. Arq Bras Cardiol. 2014;103(2 Suppl 2):1-59.

Oliveira JL, Barreto MA, Silva AB, Sousa AC. Ecocardiografia sob estresse em coronariopatia. Rev Bras Cir Cardiovasc. 2004;19(1):55-63. DOI: 10.1590/S0102-76382004000100011

Sanchez-Osella OF, Arraes WA, Cardoso RL, Melo MB, Carranza GP, Silva TB. Ecocardiografia sob estresse farmacológico com dobutamina em baixa dose associada a exercício isométrico e atropina precoce: relato da experiência com novo protocolo. Rev Bras Ecocardiogr Imagem Cardiovasc. 2013;26(2):98-104.

Abduch MC, Alencar AM, Mathias Jr. W, Vieira ML. Cardiac mechanics evaluated by speckle tracking echocardiography. Arq Bras Cardiol. 2014; 102(4):403- 12. DOI: 10.5935/abc.20140041

Simão AF, Precoma DB, Andrade JP, Correa Filho H, Saraiva JFK, Oliveira GMM, et al. Diretriz Brasileira de prevenção cardiovascular. Arq Bras Cardiol. 2013;101(6 Suppl 2):1-63. DOI: 10.5935/abc.2013S012

Gama GG, Mussi FC, Guimarães AC. Revisando os fatores de risco cardiovascular. Rev Enferm UERJ. 2010;18(4):650-5.

El Aouar LM, Meyerfreud D, Magalhães P, Rodrigues SL, Baldo MP, Brasil Y, et al. Relationship between left atrial volume and diastolic dysfunction in 500 Brazilian patients. Arq Bras Cardiol. 2013;101(1):52-8. DOI: 10.5935/abc.20130109

Sociedade Brasileira de Cardiologia. Diretrizes da Sociedade Brasileira de Cardiologia sobre Análise e Emissão de Laudos Eletrocardiográficos. Arq Bras Cardiol. 2009;93(3 Suppl 2):1-19.

Almeida AL, Gjesdal O, Mewton N, Eui-Young C, Teixido-Tura G, Yoneyama K, et al. Speckle-Tracking pela ecocardiografia bidimensional: aplicações clínicas. Rev Bras Ecocardiogr Imagem Cardiovasc. 2013;26(1):38-49.

Downloads

Publicado

2018-01-29

Como Citar

Fernandes Filho, I., Salmazo, P. S., & Bernardo, M. O. (2018). Uso clínico do strain rate na ecocardiografia sob estresse em paciente assintomática com fatores de risco para doença cardiovascular: relato de caso. Revista Da Faculdade De Ciências Médicas De Sorocaba, 19(4), 232–235. https://doi.org/10.23925/1984-4840.2017v19i4a14

Edição

Seção

Relato de Caso