Identificação de diagnósticos de enfermagem em alojamento conjunto da maternidade de um hospital terciário

Autores

  • Jéssica Priscila Matias Vanetti Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde – Sorocaba (SP), Brasil. http://orcid.org/0000-0002-7133-5671
  • Talita Cristina da Silva de Oliveira Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde – Sorocaba (SP), Brasil. http://orcid.org/0000-0002-1208-8308
  • Janie Maria de Almeida Pontifícia Universudade Católica de São Paulo (PUC-SP), Faculdade de ciências Médicas e da Saúde- Sorocaba (SP), Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.23925/1984-4840.2017v19i4a5

Palavras-chave:

enfermagem, diagnósticos de enfermagem, período pós-parto

Resumo

Como parte do processo de enfermagem no puerpério, o levantamento dos diagnósticos de enfermagem fornece a base para a seleção de intervenções para atender a puérpera em suas reais necessidades e dispensar um cuidado qualificado. Objetivo: Elencar os principais diagnósticos de enfermagem identificados na consulta de puérperas no alojamento conjunto da Maternidade Santa Lucinda, em Sorocaba, São Paulo. Método: Tratou-se de um estudo descritivo e clínico, com abordagem quantitativa, conduzido com 60 puérperas que estavam internadas no alojamento conjunto da instituição. Todas as entrevistadas passaram pela consulta de enfermagem. Foram obtidos dados sociodemográficos, obstétricos e de diagnósticos de enfermagem (DE). Resultado: O grupo pesquisado foi predominantemente constituído por mulheres jovens, com ensino médio completo, união estável, desempregadas, com único filho e de parto normal. Identificou-se um total de 21 diferentes categorias diagnósticas de enfermagem. Entre os diagnósticos identificados, destacaram-se: risco de infecção; ansiedade; disposição para processos familiares melhorados; disposição para paternidade ou maternidade melhorada; disposição para amamentação melhorada; integridade tissular prejudicada; padrão do sono prejudicado; e risco de sangramento. Conclusão: O estudo permitiu averiguar que, com o levantamento dos DEs, é possível uma aplicação adequada do plano de cuidados e ações educativas para redução de riscos ou danos, bem como aperfeiçoar o processo de enfermagem. Os DEs mais evidenciados são: risco de infecção e ansiedade. O estudo permitiu também contribuir com pesquisas sobre o assunto para melhor compreensão do período pós-parto.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Jéssica Priscila Matias Vanetti, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde – Sorocaba (SP), Brasil.

Graduanda do Curso de Enfermagem na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde – Sorocaba (SP), Brasil.

Talita Cristina da Silva de Oliveira, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde – Sorocaba (SP), Brasil.

Graduanda do Curso de Enfermagem na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde – Sorocaba (SP), Brasil.

Janie Maria de Almeida, Pontifícia Universudade Católica de São Paulo (PUC-SP), Faculdade de ciências Médicas e da Saúde- Sorocaba (SP), Brasil.

Doutora, Prof.na Pontifícia Universudade Católica de São Paulo (PUC-SP), Faculdade de ciências Médicas e da Saúde- Sorocaba (SP), Brasil.

Referências

Afonso E. Dificuldades da mulher no puerpério: subsídios para a enfermagem [dissertação]. Lisboa: Faculdade de Ciências Humanas da Universidade Católica Portuguesa; 1998.

Bachion MM, Pereira SV. Diagnósticos de enfermagem identificados em gestantes durante o pré-natal. Rev Bras Enferm. 2005;58(6):659-64. DOI: 10.1590/S0034-71672005000600006

Risner PB. Nursing diagnosis: diagnostic sistements. In: Christensen PJ, Kenney JW. Nursing process: application of conceptual modes. 3rd ed. St. Louis: Mosby-Yer Book; 1990.

Brasil. Ministério da Saúde. Saúde da Mulher: ministério lança protocolo com diretrizes para parto cesariana [Internet]. 2016 [acesso em 21 out. 2016]. Disponível em: http://portalsaude.saude.gov.br/index.php/cidadao/principal/agencia-saude/22946-ministerio-lancaprotocolo-com-diretrizes-para-parto-cesariana

Cesar JA, Denardin G, Mendoza-Sassi RA, Rodrigues MM, Silva PR. Fatores de risco para cesárea segundo tipo de serviço. Rev Saúde Pública. 2010;44(1):80-9. DOI: 10.1590/S0034-89102010000100009

Brasil. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Vamos conhecer o Brasil [Internet]. [acesso em 20 out. 2016]. Disponível em: https://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/periodicos/98/cd_2010_nupcialidade_fecundidade_migracao_amostra.pdf.

Bachion MM, Vieira F, Coelho AS, Cordeiro AC, Salge AK. Utilização da Taxonomia II da NANDA para avaliação da ansiedade puerperal na comunidade. Rev Gaúcha Enferm. 2010;31(3):544-51. DOI: 10.1590/S1983-14472010000300019

Herdman TH. Qual é o conhecimento de enfermagem necessário para desenvolver a prática de enfermagem? Rev Eletr Enf [Internet]. 2011 [acesso em 20 out. 2016];13(2):161-2. Disponível em: https://www.fen.ufg.br/fen_revista/v13/n2/v13n2a01.htm

Vieira F, Bachion MM, Salge AK, Munari, DB. Diagnóstico de enfermagem da NANDA no período pósparto imediato e tardio. Esc Anna Nery. 2010;14(1):83- 9. DOI: 10.1590/S1414-81452010000100013

Furlan MF, Patine FS. Diagnósticos de enfermagem no atendimento a puérperas e recém-nascidos internados em alojamento conjunto. Arq Ciênc Saúde. 2006;13(4):202-8.

Faisal-Cury A, Menezes PR. Fatoresassociadosà preferência por cesariana. Rev Saúde Pública. 2006;40(2):226-32. DOI: 10.1590/S0034-89102006000200007

Fontes CM, Lisboa IA, Mondini CC, Rufino EM, Shinomia MT. Assistência de Enfermagem a gestantes no HRAC/ USP. Salusvita. 2010;29(3):247-68.

Alves AM, Gonçalves CS, Martins MA, Silva ST, Auwerter TC, Zagonel IP. A enfermagem e puérperas primigestas: desvendando o processo de transição ao papel materno. Cogitare Enferm. 2007;12(4):416-27.

Bachion MM, Ferraresi MF, Martins DM, Tonhá AC, Vieira F. Diagnósticos de Enfermagem relacionados à amamentação no puerpério imediato. Rev Rene. 2011;12(3):462-70.

Downloads

Publicado

2018-01-29

Como Citar

1.
Vanetti JPM, Oliveira TC da S de, Almeida JM de. Identificação de diagnósticos de enfermagem em alojamento conjunto da maternidade de um hospital terciário. Rev. Fac. Ciênc. Méd. Sorocaba [Internet]. 29º de janeiro de 2018 [citado 1º de março de 2024];19(4):183-8. Disponível em: https://revistas.pucsp.br/index.php/RFCMS/article/view/30668

Edição

Seção

Artigo Original