Intensidades políticas na arte: apontamentos

Autores

  • Miguel Wadi Chaia PEPG Ciências Sociais - PUC/SP

DOI:

https://doi.org/10.23925/2019.v34.dossie1

Palavras-chave:

Arte e política, Teoria política, Pensamento político, Linguagem e revolução

Resumo

Para evitar generalizações no estudo das diferentes relações entre arte e
política, este artigo – contendo alguns apontamentos sistematizados – propõe
sugestões para elaboração de uma escala de “intensidades políticas” a ser utilizada
como parâmetro para avaliar a dimensão política nas diversas linguagens ou
suportes artísticos e, também, nas características internas das obras. Esta possível
escala de “intensidades políticas” pode ser encontrada, de forma embrionária, na
história da arte, inclusive entre os gregos clássicos, o que demonstra a procura
para melhor qualificar o grau de aproximação entre arte e política.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Miguel Wadi Chaia, PEPG Ciências Sociais - PUC/SP

PEPG Ciências Sociais - PUC/SP

Downloads

Publicado

2019-08-27