Cegueira e grito – Uma linguagem de resistência e de vocação em Marcos 10,46-52

Hilda Turpo Hancco

Resumo


O presente artigo faz uma análiseliterária do texto bíblico de Marcos 10,46-52 do Novo Testamento. O textorelata a cura de Bartimeu e descrevea atuação da pessoa de Bartimeu ede Jesus na passagem por Jericó.Estes sujeitos sociais desempenharampapeis importantes que deram origemà construção da história de milagre.Fazendo uso dos métodos exegéticose hermenêuticos quer-se evidenciar asexperiências de Bartimeu que refleteuma história de exclusão, de grito, deresistência e de esperança em relaçãoao exercício de sua autodeterminaçãoe seu testemunho de fé.

Palavras-chave


Jesus, esperança, cura

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19176/rct.v0i57.15093

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais



ISSN Online 2317-4307 | Impresso (descontinuada) 0104-0529

A Revista de Cultura Teológica e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em http://revistas.pucsp.br/culturateo. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em http://revistas.pucsp.br/culturateo.


A Revista de Cultura Teológica está:

Associada a:

Indexada em:

  Google Acadêmico

Presença em Bibliotecas: