A CONSTRUÇÃO DISCURSIVA DE DILMA ROUSSEFF: ANÁLISE DA PRIMEIRA PÁGINA DE TRÊS JORNAIS MINEIROS À LUZ DOS ESTUDOS SISTÊMICO-FUNCIONAIS

Autores

  • Maria Carmen Aires Gomes
  • Maíra Ferreira Sant'ana

DOI:

https://doi.org/10.1590/delta.v28i0.19369

Palavras-chave:

Linguística Sistêmico-Funcional, atores sociais, sociedade, contexto

Resumo

Esta pesquisa analisou a representação da presidente Dilma Rousseff, após o resultado das eleições de 2010 na capa de três jornais mineiros – Estado de Minas, Hoje em dia e Super Notícia –, de acordo com a abordagem Linguística Sistêmico-Funcional apresentada em Halliday (1994) e Halliday e Matthiessen (2004). Objetivo deste artigo é analisar a representação da presidente Dilma Rousseff após o resultado das eleições de 2010, na primeira página de três jornais mineiros, Estado de Minas, Hoje em Dia e Super Notícia, objetivando compreender quais as operações de seleções e escolhas lexicogramaticais foram suscitadas pelas mídias. Cada jornal se revelou ideológico pois deixou transparecer sua linha editorial por meio das escolhas.

Downloads

Edição

Seção

Artigos