Algunas reflexiones sobre el cálculo de la distancia referencial

Autores

  • Victoria Vázquez Rozas Universidade de Santiago de Compostela

Palavras-chave:

Continuidade temática, Distância referencial, Acessibilidade, Anáfora

Resumo

Os cômputos de distância referencial propostos por Givón (1983) constituem, até a data, o único método independente para a quantificação textual do grau de acessibilidade das entidades do discurso. Levando em consideração as posteriores reflexões de Givón (1992), elabora-se uma proposta alternativa para a estimação da distância referencial das frases nominais definidas, o que permite superar os problemas que projetava a formulação inicial de Givón (1983), aplicada ao espanhol por Bentivoglio (1983). A nossa análise, que está baseada num corpus de textos jornalísticos do espanhol contemporâneo, por um lado, leva-nos à conclusão de que é preciso estabelecer a distinção entre frases nominaiss anafóricas e frases nominais não anafóricas ao aplicar os cômputos, e por outro lado, sugere-nos a conveniência de um novo modelo de subcategorização sintática dos procedimentos referenciais.

Publicado

2018-06-25

Edição

Seção

Artigos