FÉ CEGA E FACA AMOLADA: OBSERVAÇÕES SOBRE IMAGENS DE PROFESSORES DE PRÁTICA DE ENSINO DE INGLÊS

Telma Gimenes, Simone Reis, Denise I. B. G. Ortenzi

Resumo


A participação como membros de bancas examinadoras na área de Metodologia e Prática de Ensino de Inglês em nível universitário tem nos levado a questionamentos sobre o papel do “supervisor de estágio”. Neste trabalho fazemos algumas observações a respeito dessa participação, especialmente no que se refere às imagens apresentadas pelos candidatos, muitos sem qualquer experiência prévia na área. Identificamos duas fontes principais que parecem justificar suas abordagens: uma derivada da biografia pessoal e profissional e outra derivada de contato com textos acadêmicos. Em ambas se pode notar a fé na “verdade” a ser revelada aos futuros professores. Apresentamos também nossos próprios entendimentos de qual seria o papel do supervisor, posição essa igualmente sujeita ao mesmo crivo de análise.

Palavras-chave


formadores de professores reflexivos, estágio, experiência pessoal, pesquisa acadêmica

Texto completo:

PDF


Revista Delta-Documentação e Estudos em Linguística Teórica e Aplicada ISSN 1678-460X