Estimação das características espectrais relacionadas com o ponto de articulação de oclusivas utilizando a técnica multitaper

Marisa Lobo Lousada, Luis M. T. Jesus, Daniel Pape

Resumo


Este estudo analisa as caraterísticas espetrais das oclusivas /p, b, t, d, k, ɡ/ do Português Europeu produzidas por seis informantes nativos. Procedeu-se à análise dos picos e dos vales espetrais (espetros multitaper) e à parametrização das caraterísticas espetrais através da análise dos declives dos espetros e do cálculo dos momentos de distribuição. Comparativamente às análises espetrais tradicionais, a análise multitaper permite um maior controlo da variância associada a este tipo de sinais fazendo uso de apenas uma curta janela, o que se adequa às caraterísticas do burst das oclusivas. Os resultados mostram que as caraterísticas do burst variam de acordo com o ponto de articulação. As frequências espetrais obtidas correspondem aos resultados publicados na literatura clássica. No entanto, verifica-se que outras medidas espetrais, no presente estudo, não estão de acordo com os padrões espetrais clássicos. É discutido se estas diferenças se devem ao uso de diferentes metodologias, ou a diferenças substanciais nas caraterísticas espetrais das diferentes línguas.

Palavras-chave


Análise Multitaper; Picos e vales; Declives; Momentos

Texto completo:

PDF (English)


DOI: https://doi.org/10.1590/delta.v28i1.4240

Revista Delta-Documentação e Estudos em Linguística Teórica e Aplicada ISSN 1678-460X