Avaliação de estudantes sobre práticas de ensino em Disciplina de um Curso de Fonoaudiologia do Estado de São Paulo

Edinalva Neves Nascimento, Sandra Regina Gimeniz-Paschoal

Resumo


Neste estudo se avaliam sete práticas de ensino superior realizadas em uma Disciplina de um Curso de Fonoaudiologia do Estado de São Paulo. Foi realizado com 31 estudantes do segundo ano de uma universidade pública, com idade entre 21 e 26 anos. As práticas de ensino foram planejadas de acordo com o Plano de Ensino da docente responsável pela Disciplina, as recomendações das Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Fonoaudiologia e os pressupostos teóricos da Análise do Comportamento. Os resultados mostraram 394 avaliações das práticas de ensino realizadas pelos estudantes, sendo 259 (66%) favoráveis e 135 (33%) desfavoráveis. O relato de vivência foi a prática de ensino melhor avaliada (70%) diferentemente da entrevista (62%). Este trabalho mostrou as potencialidades e as fragilidades de cada prática de ensino realizada e pode contribuir com os docentes de Cursos de Fonoaudiologia e de outras áreas do ensino superior na elaboração do Plano de Ensino.

 


Palavras-chave


fonoaudiologia; educação superior; ensino.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




A revista Distúrbios da Comunicação e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em https://revistas.pucsp.br/dic. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em https://revistas.pucsp.br/dic.