Estudo descritivo e comparativo de parâmetros de interação entre mãe e criança cega

Wanessa Moura F., João Oliveira R. M.

Resumo


Estudos sistemáticos a respeito da aquisição de linguagem em crianças cegas, especialmente na faixa etária de 3 anos (bebês) são relativamente escassos. Pesquisa recente que envolve a utilização em escalas padronizadas, observacional e analíticas, permite que o estudo se torne eficaz, seja analisada e comparada aos dados dos grupos diferentes no exterior. Objetivos: o presente estudo revela a investigação da interação entre crianças cegas e suas respectivas mães, bem como a repercussão da aquisição e desenvolvimento de linguagem. Material e Método: A pesquisa envolve um estudo qualitativo, comparativo e longitudinal, observando e registrando, através de protocolos e videogravações, com duração de 20 minutos, comparando a interação de mães videntes e suas respectivas crianças cegas ou crianças videntes apresentando a mesma idade e classe social. 86 crianças com visão subnormal foram excluídas. Resultado: É aparente a diferença entre os dois grupos apresentando uma variedade na observação e qualidade das amostras, mas em relação à estatística, apenas duas características foram diferentes: a criança cega tenta localizar objetos indiretamente e tenta sem nenhuma posição da cabeça. Conclusão: Foram encontradas diferenças entre crianças cegas e videntes, mas é necessário mais estudos sobre o assunto. É necessária a análise com mais ferramentas observacionais em diferentes aspectos e que acompanhe a evolução das crianças. A expectativa é de que este tipo de abordagem venha a contribuir para a melhora do suporte ao profissional da saúde para as crianças cegas.

Palavras-chave


comunicação; cegueira; interação; maternidade

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




A revista Distúrbios da Comunicação e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em https://revistas.pucsp.br/dic. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em https://revistas.pucsp.br/dic.