COMO GÊNEROS MUDAM NO FACEBOOK: CIRCULAÇÃO DE UMA MENSAGEM DE PROTESTO

Autores

  • Lafayette Batista MELO IFPB – UNICAMP/IEL

Palavras-chave:

Contexto Interacional, Gêneros, Redes Sociais, Interface, Facebook.

Resumo

Este trabalho analisa como circula uma mensagem de protesto no Facebook. Utilizo a ideia de contexto interacional e faço relações entre texto, discurso e interface, como elementos que permitem um “dito” dos enunciados em meio a modificações no gênero. Analiso mensagens de protesto que circularam na rede social Facebook contra o deputado Marco Feliciano. Identifiquei modos próprios de circulação do gênero na rede e especificidades históricas que justificam como os discursos são disseminados. Foram identificadas cinco situações: dos representantes das minorias, dos representantes de outros grupos, dos indiferentes, em formato de humor e com variações da expressão “não me representa”.

Downloads

Publicado

2014-10-21

Edição

Seção

Artigos