Atuação do gerontólogo em atividades no Programa de Universidade Aberta à Terceira Idade

Thais Bento Lima-Silva, Evany Bettine de Almeida, Henrique Salmazo-Silva, Eduardo Moreira de Oliveira, Thabata Cruz de Barros, Gabriela de Carvalho, Tiago Nascimento Ordonez

Resumo


Esse estudo teve como objetivo apresentar as possibilidades de atuação do Bacharel em Gerontologia - Gerontólogo, nas atividades de educação permanente por meio da Gerontologia educacional. Foi conduzida revisão bibliográfica não sistemática da literatura. A revisão indicou que o cenário de atuação do Gerontólogo nas Universidades Abertas à Terceira Idade envolve desde a criação, supervisão, planejamento e condução de programas para promoção da saúde, até a avaliação das atividades, com a finalidade de assegurar que elas preparem as pessoas para seu próprio envelhecimento e para a aposentadoria, com metodologia apropriada ao contexto cultural e econômico do públicoalvo, incentivando o seu empoderamento e a sua participação social. A atuação nas UnATI solicita um olhar para a Gerontologia Educacional, que vem ajudar a construir a velhice, oferecendo ao idoso a oportunidade de mudar o rumo de sua vida e redirecionar suas ações com liberdade de escolha.

Palavras-chave


Gerontologia educacional; Gerontólogo; Promoção de saúde

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.23925/2176-901X.2012v15iEspecial14p277-292

Kairós está indexada em:

Bases de dados e Repositórios de periódicos com texto completo:


Catálogo de Bibliotecas:

Bibliotecas:

Diretório de Políticas Editoriais:

Associada:

ISSN 2176-901X

A Revista Kairós e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em http://revistas.pucsp.br/kairos. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em http://revistas.pucsp.br/kairos.