Habilidades de resolução de problemas e indicadores de bem-estar emocional em profissionais de enfermagem que atuam em Instituições de Longa Permanência para Idosos

Ahlam Ghandour, Ricardo da Costa Padovani, Samila Sathler Tavares Batistoni

Resumo


Habilidades de Resolução de Problemas (RP) e indicadores de estresse e ansiedade foram avaliados entre 35 cuidadores formais de idosos que compõem equipes de enfermagem em Instituições de Longa Permanência para Idosos. Embora a maior parte da amostra tenha apresentado estilos adaptativos de RP e bons indicadores de saúde emocional, encontraram-se correlações positivas entre orientação atitudinal negativa ao problema e a predominância de estilos não-adaptativos de RP (Impulsivo/Descuidado) com presença de ansiedade, corroborando estudos já realizados com cuidadores informais.

 


Palavras-chave


Cuidadores; Habilidades de Resolução de Problemas; Estresse; Ansiedade.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.23925/2176-901X.2014v17i2p239-255

Kairós está indexada em:

Bases de dados e Repositórios de periódicos com texto completo:


Catálogo de Bibliotecas:

Bibliotecas:

Diretório de Políticas Editoriais:

Associada:

ISSN 2176-901X

A Revista Kairós e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em http://revistas.pucsp.br/kairos. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em http://revistas.pucsp.br/kairos.