Com quem ficará meu filho? Uma preocupação dos pais que estão envelhecendo e não têm com quem deixar seus filhos com Síndrome de Down (SD), que também estão envelhecendo

Etiene Rossi de Aguiar da Rosa, Vicente Paulo Alves, Vicente de Paula Faleiros

Resumo


Este artigo aborda a grande preocupação dos pais idosos de pessoas com SD que também estão envelhecendo, e que não terão onde, ou com quem deixar, caso eles, os pais, venham a falecer antes. A família é o alicerce das pessoas com SD, e estão a seu lado diariamente. Muitas vezes, porém, não há mais ninguém além dos pais, quer sejam parentes ou instituições, que possam acolher estas pessoas, com o mesmo nível de atenção e cuidados necessários. Nesta pesquisa, foi adotada a metodologia qualitativa, do tipo transversal e descritiva, com coleta e análise dos dados, composta de entrevistas com familiares de pessoas com SD, após serem adotados parâmetros e critérios específicos de escolha, tanto dos entrevistados (familiares) como dos avaliados (pessoas com SD) na busca pela amostragem ideal dos dados fundamentadores dos resultados.

 


Palavras-chave


Síndrome de Down; Envelhecimento; Família.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.23925/2176-901X.2015v18i3p109-121

Kairós está indexada em:

Bases de dados e Repositórios de periódicos com texto completo:


Catálogo de Bibliotecas:

Bibliotecas:

Diretório de Políticas Editoriais:

Associada:

ISSN 2176-901X

A Revista Kairós e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em http://revistas.pucsp.br/kairos. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em http://revistas.pucsp.br/kairos.