Após a neoliberalização?

Neil Brenner, Jamie Peck, Nik Theodore

Resumo


À luz dos debates sobre as origens e implicações da crise econômica global de 2008-2009, este ensaio apresenta um arcabouço teórico para analisar processos de reestruturação regulatória no contexto do capitalismo contemporâneo. A análise gira em torno do conceito de neoliberalização, que consideramos ser uma palavra-chave para se compreender as transformações regulatórias da nossa época. Inicialmente, oferecemos uma série de explicações a respeito das definições que sustentam nossa conceituação de neoliberalização como um processo diversificado, geograficamente desigual e dependente da trajetória. Nessa base, distinguimos três dimensões dos processos de neoliberalização – experimentação regulatória; transferência interjurisdicional de políticas; e formação de regimes de normas transnacionais. Tais distinções formam a base para uma periodização esquemática de como os processos de neoliberalização têm se arraigado em várias escalas espaciais e como se estendem pela economia mundial desde a década de 1980. Também geram uma perspectiva analítica para se explorar vários cenários para formas contraneoliberalizadoras de reestruturação regulatória.

Palavras-chave


neoliberalização; contraneoliberalização; experimentos regulatórios; transferência de políticas; regimes de normas

Texto completo:

PDF PDF (English)

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Apoio: