Comunidades locais, saúde e os objetivos de desenvolvimento sustentável: o caso de Ribeirão das Neves, Brasil

Autores

  • Viviane H. França FIOCRUZ- Oswaldo Cruz Fundation, Centro de Pesquisas René Rachou
  • Ulisses E.C. Confalonieri FIOCRUZ- Oswaldo Cruz Fundation, Centro de Pesquisas René Rachou

Palavras-chave:

promoção da saúde, desenvolvimento sustentável, qualidade de vida, determinantes sociais da saúde, pobreza

Resumo

A saúde integra a Agenda de Desenvolvimento Sustentável da Organização das Nações Unidas. As comunidades locais têm importante papel na definição de suas necessidades para o desenvolvimento e na discussão dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável pós-2015. Realizou-se uma pesquisa exploratória empregando um questionário validado em amostra de 336 domicílios caracterizados como extrema pobreza em um município brasileiro. Essa pesquisa compreendeu um estudo observacional, transversal, e a realização de entrevistas com profissionais de saúde e assistência social. O abuso de drogas e álcool foi identificado como o maior problema para obter melhorias na qualidade de vida. A prevalência por incapacidades foi 14%. A redução das taxas de óbito por crimes e a prevenção de incapacidades deveriam ser incluídas como alvo desses objetivos.

Downloads

Publicado

2016-06-17