Preferência por diferentes combinações de atividades brincar e estudas e efeitos sobre propriedades de comportamentos de estudo em crianças

Ana Lúcia Cortegoso, Carolina Berteli Albano Ramos

Resumo


Crianças em início de escolarização dividem tempo entre estudar, brincar e outras atividades que podem concorrer entre si. Foram objetivos deste estudo investigar efeitos de combinações das atividades brincar e estudar sobre comportamentos de estudo em crianças e preferência quanto a tais combinações. O estudo foi feito com uma menina, 8 anos, aluna da 2ª série do ensino fundamental, período matutino, cuja rotina era brincar no início e realizar tarefas escolares no final das tardes. A participante foi submetida a situações que alternavam seqüência dessas atividades e possibilidade de escolha das seqüências pela criança. Melhor rendimento, menor número de erros e de tempo gasto para estudar ocorreram em situações em que a participante escolheu a seqüência de atividades e que essa era a mesma da rotina da criança (brincar-estudar).

Palavras-chave


esquemas concorrentes; comportamento de escolha; hábitos de estudo; comportamento estudar; seqüência de atividades no estudo

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.