A INSERÇÃO DOS ESTUDOS DE GÊNERO NAS CIÊNCIAS DAS RELIGIÕES NO BRASIL: UM OLHAR A PARTIR DAS CIÊNCIAS SOCIAIS

Antonio Leonardo Figueiredo Calou

Resumo


Historicamente, o entrecruzamento dos estudos de gênero e religião consiste de uma problemática pouco discutida. Durante décadas de pesquisa em religião, as ciências sociais da religião deslegitimaram o discurso das mulheres acadêmicas, pensando e ressaltando sobre elas os mesmos discursos de constituições teóricas e metodológicas tradicionais, em sua maioria de base positivista. Com o advento da revolução feminista, surgem várias pesquisadoras dispostas a desmistificar essas constituições, mostrando a incapacidade de tais concepções e enfatizando, por vezes, a confessionalidade delas para com instituições religiosas. Como constituinte do rol de ciências que compõe o universo das Ciências das Religiões, estes escritos constituem uma tentativa de questionar como se apresentou, no curso da história, a inserção dos estudos de gênero no jovem campo das Ciências das Religiões no Brasil. Nessa perspectiva, pretende-se, também, apresentar uma visão socioantropológica da discussão acerca da equação gênero e religião para as Ciências Sociais e as Ciências das Religiões, sobre a apresentação de personagens e instituições importantes para a formação da discussão no país.

Palavras-chave


Ciências Sociais; Ciências das Religiões; Gênero e Religião

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.23925/1980-8305.2017.i30p164-184

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.