MÍDIA E LÍNGUA PORTUGUESA: CONTATOS E CONFLITOS COM OS ESTUDOS SOCIOLINGUÍSTICOS

Jessiléia Guimarães Eiró, Raimundo Silva Neto

Resumo


Este trabalho tem como objetivo explicitar a tensão entre a mídia e os estudos sociolinguísticos no que se refere à concepção de língua e ensino de português. Por meio de revisão bibliográfica, apresenta estudos que anunciam posicionamentos preconceituosos por parte da grande mídia quando se trata do uso da língua portuguesa. Levanta questionamentos sobre os profissionais que estão autorizados e os que têm competência para tratar do ensino de língua materna. Faz apontamentos acerca da influência exercida pelos meios de comunicação, bem como os profissionais da mídia impressa, eletrônica e mídia televisiva e suas implicações para a produção de um discurso sobre concepção de língua e ensino de português. Conclui que a mídia, de maneira geral, não reconhece a diversidade linguística, apresenta discussões superficiais, com baixo teor científico, linha editorial diversificada sobre o que se deve ensinar em língua portuguesa e/ ou o que seria um uso correto da língua e defende um padrão único de uso linguístico.

Palavras-chave


Mídia; Língua Portuguesa; Linguística

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




     INDEXADORES: