Ethos e cenografia em “O baralho erótico”

Micheline Brito Padovani, Priscila Harka

Resumo


Utilizando a Análise do Discurso de linha francesa desenvolvida por Dominique Maingueneau, este artigo trata da constituição do ethos discursivo, relacionado ao interdiscurso, ao discurso citado, a interlíngua e às cenas enunciativas presentes no conto “O baralho erótico”, de Mia Couto. Nos fundamentaremos  em Bastos (2008),  Maingueneau (1997, 1998, 2002 e 2004) e Charaudeau (2004 e 2006), Fiorin e Platão (1998) e Fiorussi (2003), entre outros. Explicitaremos algumas características da narrativa de gênero conto e particularidades dos personagens. Além de apontarmos a intertextualidade com Edgar Allan Poe.  Moçambique é um país com diferentes aspectos culturais, históricos e sociais que influenciam os autores moçambicanos.


Palavras-chave


análise do discurso, conto, ethos, interlíngua

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




     INDEXADORES: