A guerra e a paz

Pierre-Joseph Proudhon

Resumo


Resumo

Quando publicado pela primeira vez, em 1861, o livro A guerra e a paz, de Pierre-Joseph Proudhon, foi duramente atacado tanto por conservadores quanto por libertários. Ele foi visto como uma elegia à guerra e à destruição por ela causada. Apesar da polêmica em torno do livro, A guerra e a paz é um dos menos lidos e comentados livros de Proudhon. Essa seleção de capítulos — em tradução inédita ao português — tem como objetivo apresentar uma análise única da guerra como a força que pauta a vida humana e molda as relações políticas, tanto dentro quanto fora dos Estados.

palavras-chave: guerra, direito da força, libertarismo.

Abstract

When the Pierre-Joseph Proudhon’s book War and Peace was first published, in 1861, it was toughly attacked both by conservatives and libertarians. It was seen as an elegy to the war and to the destruction caused by it. Despite the controversy around it, War and Peace is one of the less read and commentedof Proudhon’s books. This selection of chapters — for the first time published in Portuguese — aims to present Proudhon’s unique analyses of war as the force that paces human lives and shapes the political relations both inside and outside the states.

keywords: war, right of force, libertarianism.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.23925/verve.v0i19.8667

Apontamentos

  • Não há apontamentos.