TINHA UM “MAS” NO MEIO DO CAMINHO: ABORDAGEM FUNCIONAL DE GRAMÁTICA NO ENSINO DE PORTUGUÊS

Camilo Rosa SILVA

Resumo


O artigo tem como objetivo discutir as funções do conector ”mas” a partir de dois focos: 1) descrever o comportamento do conector em contextos propícios à mudança gramatical; e 2) refletir sobre a incorporação de pressupostos funcionalistas ao ensino de gramática em aulas de português na educação básica. Os dados provêm dos corpora: Editoriais Jornalísticos do Século XX na Paraíba (Silva, 2005) e Linguajar do Sertão Paraibano (Stein et al., 2012). A perspectiva de análise é funcionalista, defendendo que o discurso deflagra a emergencialidade da gramática (Hopper, 1987). A análise dos usos do “mas” sugere possíveis inovações na prática pedagógica do professor da educação básica no que diz respeito ao ensino do uso desse conector.


Palavras-chave


gramática funcional; ensino; conector “mas”

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Intercâmbio está indexada em:

       

Catálogo de Bibliotecas:

ISSN 2237-759X

A Intercâmbio e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em http://revistas.pucsp.br/intercambio. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em http://revistas.pucsp.br/intercambio.