Teoria da dependência, neoliberalismo e desenvolvimento: reflexões para os 30 anos da teoria

Carlos Eduardo Martins, Adrián Sotelo Valéncia

Resumo


Esse artigo busca distinguir a especificidade e evolução intelectual e política davertente da teoria da dependência desenvolvida por Fernando Henrique Cardoso eEnzo Falleto. Aponta que esses autores teorizam a dependência para aceitá-la. Essaaceitação da dependência, presente em seus escritos dos anos 60, se aprofunda apartir dos anos 70, e dá lugar nos anos 90 à defesa teórica e política do neoliberalismocomo forma dos países dependentes se articularem à economia mundial. Finalmente,resgatamos os conceitos básicos da vertente liberadora da teoria da dependência,distorcidos pela matriz de Cardoso e Falleto, para pensar os desafios postos pelaglobalização ao Estado nacional.

Palavras-chave


Teoria da dependência; neoliberalismo; desenvolvimento

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Lutas Sociais
Revista do Núcleo de Estudos de Ideologias e Lutas Sociais (NEILS)
Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais – PUC/SP
Ministro Godói, 969 - 4º andar – Perdizes
CEP: 05015-001 - São Paulo - SP - Brasil
Fone/Fax: (+55 11) 3670-8517

Lutas Sociais está indexada em: