Brasília e seu território: a assimilação de princípios do planejamento inglês aos planos iniciais de cidades-satélites

Maria Fernanda Derntl

Resumo


A discussão sobre a apropriação de modelos e referências internacionais ao plano urbanístico de Brasília é um dos tópicos na historiografia sobre a capital e contribui para uma discussão mais ampla acerca de possíveis especificidades do movimento moderno no Brasil. No entanto, tal discussão tende a se restringir à concepção do núcleo traçado por Lúcio Costa em 1957. Este artigo pretende ir além da ênfase usual no Plano Piloto para analisar determinações iniciais para a organização do território do Distrito Federal e para a criação de suas cidades-satélites, entre fins da década de 1950 e início dos anos 1970. Essa análise aponta para a peculiar assimilação de um ideário inglês no campo do planejamento urbano e regional em circulação na primeira metade do século 20.

Palavras-chave


Brasília; cidades-satélites; Plano Piloto; planejamento urbano e regional; circulação de ideias

Texto completo:

PDF SciELO


DOI: https://doi.org/10.1590/2236-9996.2020-4706

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Apoio: