INTERVENÇÃO COM JOGOS EM PROCESSOS DE DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM

Ana Lúcia Sícoli Petty, Maria Thereza Costa Coelho de Souza, Tamires Alves Monteiro

Resumo


O objetivo foi analisar a relevância de um protocolo de registro para informar sobre atitudes de crianças que realizaram atividades com jogos durante um programa de intervenção. A fundamentação teórica é pautada na teoria de Piaget e em pesquisas contemporâneas referentes ao uso de jogos e suas implicações para o desenvolvimento humano. O estudo foi realizado com 80 protocolos referentes a oito crianças entre 7 e 11 anos, atendidas no Laboratório de Estudos sobre Desenvolvimento e Aprendizagem (LEDA) do IPUSP, uma vez por semana, durante três semestres. Estes protocolos registraram atitudes e procedimentos manifestados ao jogar quanto a: (1) apresentação da situação de jogo; (2) realização do jogo propriamente dito; (3) enfrentamento de conflitos e (4) avaliação do resultado das ações ao jogar. A análise gerou a construção de indicadores empíricos para as respostas diante das situações (1) e (4), agrupados quanto a interesse e autonomia. Os resultados demonstraram que interesse foi o indicador com maior destaque, sugerindo que o trabalho com jogos contribui para promover a curiosidade infantil e a construção de atitudes favoráveis à aprendizagem e desenvolvimento. Estes resultados também indicaram que somente interesse não leva a mudanças, sendo necessárias: autonomia para avaliar o desempenho e conscientização das ações. Concluiu-se que o programa de intervenção com jogos mobiliza crianças para além do interesse inicial, motivando-as a se implicarem ativamente ao enfrentar desafios, visando modificar procedimentos insatisfatórios por meio da capacidade de pensar autonomamente sobre suas ações e desenvolver novas estratégias.

Palavras-chave


Jogos; Intervenção; Aprendizagem; Desenvolvimento

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5935/2175-3520.20190016

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.