O ensino de Psicopatologia no cotidiano das ruas de São Paulo: um relato de experiência

Tania Cociuffo

Resumo


O presente trabalho é um relato de experiência das aulas práticas em Psicopatologia (disciplina do Curso em Graduação de Psicologia da PUC-SP) realizadas, pela primeira vez, no Centro Franciscano de Atendimento e Proteção ao Morador de Rua (Chá do Padre), no centro da cidade de São Paulo. Norteou nossa escolha pelo Chá do Padre, para a realização dessas aulas práticas, a ideia de ir ao encontro da população de rua, conhecer as histórias de vida e as formas de expressões dessa população em estado de vulnerabilidade. O desafio da nova proposta foi a ampliação dos espaços de inserção e escuta do sofrimento psíquico, para além dos equipamentos específicos de saúde mental da cidade. Concluímos que as ruas são espaços pertinentes para o desenvolvimento das aulas de Psicopatologia. O foco da experiência está no desenvolvimento da escuta, na constituição de um alargamento de continência, tanto intelectual quanto emocional de nossos alunos e que, portanto, mais do que uma aprendizagem, constitui-se num crescimento.


Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais

ISSN Impresso: 1413-4063
ISSN Eletrônico: 2594-3871


Psicologia Revista  está indexada em: