Atendimento grupal em psiquiatria

Silvia Regina Gomes Fenerich, Ilza Bornschlegell

Resumo


Frente à complexidade dos aspectos bio-psicossociais envolvidos no adoecimento psíquico o tratamento medicamentoso na clínica psiquiátrica é limitado. Questões do cotidiano como paixão, separações, privação financeira, violência, etc, fazem os pacientes sofrerem e muitas vezes produzem sintomas tais como: pânico, ansiedade, depressão e outros. A abordagem grupal surge como uma possibilidade de ampliar esse cuidado através da criação de um espaço de fala e escuta de temas comuns entre seus participantes. O presente trabalho tem como objetivo refletir sobre uma experiência de atendimento psiquiátrico em grupo no serviço público do Município de São Paulo, ampliando a visão meramente medicamentosa do mesmo e incentivando ações de promoção e prevenção de saúde.


Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais

ISSN Impresso: 1413-4063
ISSN Eletrônico: 2594-3871


Psicologia Revista  está indexada em: